sábado, 14 de março de 2015

Dias, Renan Dias Campos, foi jogar no time do pai


Perdi fisicamente meu irmão, Renan Dias Campos, o famoso zagueiro Dias (Queixura), um dos maiores jogadores de Santarém do passado, às 18 horas deste sábado, 14/03/15. Seu corpo está sendo velado na Igreja do Santíssimo.

Colei do Facebook de Raimundo Gonçalves o seguinte comentário a respeito do meu irmão postado em data pretérita:

"Dias, o zagueirão que brilhou por décadas...

Quem já ouviu falar deste nome: Renan Dias Campos? A juventude desportista de hoje talvez não, mas os desportistas dos anos 60 e 70. Huuumm! Sim foi um senhor zagueiro. Seguro, destemido, técnico e vencedor. Dias (Queixura). 

Vestiu as camisas dos principais clubes da nossa cidade. Foi Campeão pelo São Raimundo, São Francisco e Fluminense. Só não foi Campeão pelo Norte e pela Seleção santarena porque a arbitragem não permitiu.

Se consagrou mesmo ainda meninão no Leão Azul santareno e depois foi brilhar no Pantera, Tricolor e o Tigre da Prainha.

Agora vamos falar do brilho que ficou marcado em sua carreira no futebol, quando foi ser profissional.
Sua história como zagueiro ficou marcado em uma partida no Estádio Elinaldo Barbosa, em 1976, entre o Esporte Clube Santarém, de Dias e Cia e Clube de Regatas do Flamengo de Zico e Cia. Final de jogo, E.C.S 0X0 CRF. 

Saiu de campo cumprimentado pelo craque Zico que lhe presentou com a sua chuteira, pela marcação técnica e leal sobre o craque do Flamengo. 

Zico não conseguiu furar o bloqueio da zaga santarena, onde Dias foi o Xerife. Dias foi de fato um craque santareno com a bola nos pés. Como outros craques da nossa terra, se acomodou aqui no Paraíso e não quis voar para mais longe, asas com talentos não lhe faltavam.

Parabéns Dias, Deus te proteja sempre."

Tristeza: Morre craque do futebol santareno (Fonte "O Mocorongo", Ércio Bemerguy).

Renan Dias Campos (Dias ou Queixura, como era chamado como craque do futebol santareno), faleceu ontem. Atuou como zagueiro no São Francisco e no São Raimundo, principais clubes do futebol da Pérola do Tapajós. Jogou, também, pelo Flamengo, Norte Clube, Fluminense, América e Esporte Clube Santarém.
Aos seus familiares, entre os quais o seu irmão, meu amigo advogado José Ronaldo Dias Campos, expresso as minhas condolências.
Zagueiro Dias (Queixura), recebendo das mãos do Zico a chuteira que ele usou, como prêmio pela boa marcação que fez, no Galinho, no jogo realizado no estádio Elinaldo Barbosa, em 1976, entre São Francisco e Flamengo.

Copiado do Facebook de Raimundo Gonçalves: 
DEUS CHAMOU MAIS UM DE MEUS AMIGOS PRA JUNTO DELE. DIAS (POPULARMENTE CONHECIDO POR QUEIXURA) NOS DEIXOU ONTEM 
 
Faleceu ontem(14/03) as 18:30h, no Pronto Socorro Municipal Renan Dias Campos, conhecidíssimo na nossa cidade no meio esportivo como Dias ou Queixura. Já estava lutando contra a morte há tempo, com complicações diversas na sua saúde. Morreu aos 68 anos de idade, deixou viúva dona Nazaré Campos e os filhos órfãos: Edson Miguel, José Renato (Tinho), Gilson Renê, Maria da Glória, Adriana Campos, Márcio Renan e Natália Campos, além de 11 netos e netas. Dias foi um jogador notável com sua garra e técnica, que chamava atenção. Ainda garoto vestiu a camisa titular do São Francisco, em uma épocas de muitas conquistas. Defendeu as cores do Norte Clube, foi Campeão pelo São Raimundo e Fluminense. Destaques nas zagas dos melhores clubes santarenos, em 1976, foi convidado a ser profissional para defender o 1º clube profissional da nossa cidade, Esporte Clube Santarém, onde foi novamente destaque na competição. Em jogos amistosos o Esporte C. Santarém enfrentou as poderosas equipes cariocas, Vasco Da Gama, Botafogo e Flamengo, Dias era uma das seguranças da zaga, no jogo contra o Flamengo de Zico e Cia. O craque conseguiu anular o fenômeno Zico, com uma marcação implacável, com uma raça e técnica incomparável, fato que fez o Galinho de Quintino lhe presentear a sua chuteira ao Dias pelo futebol de categoria que demonstrou contra o clube carioca. Um pai presente para os filhos e esposo exemplar dentro de casa. O sentimento de perda é enorme para a família e os amigos, mas consolador por refletirem que sua missão na terra terminou, quando o Senhor o chamou para Ele. Seu corpo está sendo velado na Capela Mortuária da Igreja do Santíssimo. Seu sepultamento está marcado para Domingo, 15/03, as 16:30h para o Cemitério de Nossa Senhora dos Mártires. Nossas condolências a toda família.

Fonte: Raimundo Gonçalves(Face)

Nenhum comentário:

Postar um comentário