segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Desbafo de um advogado ao quinto (colacionado do Facebook)

  • Celso Furtado Furtado O dispositivo para a escolha do candidato ao Quinto Constitucional deve ser revisto, nós fomos votar só pra fazer de conta, não serviu para nada, o que está escrito como norma para essa escolha só serve para os interesses escusos de quem apadrinha seus amigos. Devemos nos mobilizar em nível nacional para mudar esse tipo de escolher quem vai para a lista sêxtupla do quinto constitucional os seis mais votados. Fica o meu sentimento de ser enganado. Meu amigo e colega, José Ronaldo Dias Campos, o reconhecimento dos colegas é suficiente para que prossiga na sua caminhada, Deus é o melhor remédio para superar qualquer obstáculos, estamos juntos nessa. Um abraço fraterno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário